• Icones
  • INSTRUMENTOS PARA CONSULTA

  • Conheça as 11 ações que os funcionários do CREA-PR se comprometeram a executar em sua rotina diária:

    1 - Desligar o monitor na hora do almoço
    * é obrigatório desligar CPU e monitor após o expediente

    2 - Apagar todas as luzes na saída para o almoço
    * é obrigatório apagar todas as luzes após o expediente

    3 - Trocar o uso de copinho plástico para o café/chá por caneca

    4 - Adotar o uso de garrafa de água, ao invés do uso constante de copinhos plásticos

    5 - Separar o lixo em: papel, vidro, plástico e orgânico

    6 - Manter em local definido folhas utilizadas na frente para nova utilização na impressora (verso)

    7 - Manter local definido para depósito de papel já usado nos 2 lados (para descarte)

    8 - Antes de guardar o papel para reuso ou destinação final tirar clips e grampos

    9 - Ficar alerta para identificar e avisar sobre lâmpada queimada, torneira vazando, descarga desregulada, paredes sujas, etc

    10 - Ter comprometimento com o cuidado do ambiente

    11 - Reaproveitar os envelopes de papel, com novos usos

  • Conheça as sugestões encaminhadas pelo corpo funcional

    1 - Implantar PGRS nas unidades do CREA-PR

    2 - Buscar parceria com cooperativas e associações de catadores de papel para destinação do lixo coletado de forma seletiva

    3 - Mapear os utensílios disponíveis para coleta de lixo (lixeiras, cores, suporte para copo, café e água)

    4 - Modernização do ar condicionado (Lda)

    5 - Substituir frota a gasolina para uso de biocombustível (etanol)

    6 - Melhorar processos buscando maior adesão à documentos eletrônicos

    7 - Implantar programa de redução do uso de papel

    8 - Instalar sensor de presença em locais de menor acesso (arquivos, bwc, por exemplo)

    9 - Substituir torneira dos banheiros por torneiras de pressão

    10 - Criar mensagem positiva, voltada a sustentabilidade, para inserir na assinatura dos e-mails dos funcionários

    11 - Adotar uso de 100% de papel reciclável

    12 - Disponibilizar garrafa térmica para água - uso nos veículos

    13 - Aquisição de picotador de papel (para destinação de material sigiloso / dados cadastrais, etc)

    14 - Verificar melhor forma de destinação para grampos e clips

    15 - Disponibilizar lixeira (tnt) para carro

    16 - Disponibilizar suporte de garrafa (individual) para veículo

    17 - Realizar campanha antitabagismo

    18 - Incentivar adoção de Programa "Carona Solidária"

    19 - Aquisição de caneca de alumínio (para chá e café) em subsituição aos copinhos plásticos

    20 - Rever procedimentos e alternativas a impressão constante de fichas cadastrais

    21 -Adequar a impressão de ARs / sobra de papel

    22 - Realização de Palestras sobre Educação Ambiental

    23 - Fornecer roteirização (GPS) aos agentes de fiscalização - segurança/tempo/produtividade

    24 - Estipular um local para anotar nº de memorandos tramitados internamente no setor, suprimindo assim a impressão do mesmo, deixando-o somente virtual ex: do administrativo para o fiscal)

    25 - Identificar se há alguma restrição de documento que não possa ser impresso em papel reciclado

    26 - Rever os formulários utilizados no atendimento, se é possível inserir alguns campos para anotação de dados da ficha cadastral, suprimindo assim sua impressão

    27 - Priorizar o uso de meios eletrônicos (e-mail, arquivos eletrônicos, etc)

    28 - Analisar formas de reduzir a poluição visual nas unidades do Conselho (painel eletrônico)

    29 - Verificar mecanismo que impeça a incidência direta de luz solar no ambiente de trabalho, de modo que se mantenha a iluminação e a ventilação através das janelas

    30 - Instalação de sistema eletrônico de controle de luz (acende e apaga com horário agendado)

    31 - Verificar a viabilidade de secadores de mão com ar quente em substituição de toalhas/papel

    32 - Incentivar o uso de bicicleta (casa/trabalho/casa)

    33 - Disponibilizar bicicletário e também um vestiário (troca de roupa e banho)

    34 - Promover o “dia sem elevador”

    35 - Verificar a viabilidade para disponibilizar ônibus de transporte ao corpo funcional

    36 - Desligar a máquina fotocopiadora ao sair

    37 - Incentivar o corpo funcional a praticar o voluntariado

    38 - Racionalizar recursos não abrindo as unidades em datas de vésperas de feriado (uma vez que é baixa a procura por atendimento)

    39 - Descartar o uso de máquinas de café (foi unanime que pouquíssimos usam) e retornar ao café disponibilizado aos setores pela Copa

    40 - Verificar se as sugestões acatadas, estão contempladas no projeto da nova sede (principalmente no tocante a racionalização de água, energia / torneiras de pressão, descarga inteligente, saboneteiras...)

    41 - Disponibilizar orientações ao corpo funcional a respeito do uso dos equipamentos e materiais (o que é mais correto em relação a ligar/desligar, pode reusar o papel na impressora, etc)

    42 - Disponibilizar local de coleta de pilhas e outros resíduos perigosos

    43 - Uso apenas de pautas eletrônicas nas Câmaras Especializadas

    44 - Extinguir memorandos impressos dentro de um mesmo setor

    45 - Inserir como projeto futuro a digitalização de processos e protocolos

    46 - Estudar o uso de envelope vai-e-vem de papel e não de plástico como é hoje

    47 - Redução de certos impressos / funcionários percebem que há sobra de material (ex. catálogo empresarial)

    48 - Reduzir o "volume" do lixo, amassando latas de alumínio, por exemplo

    49 - Não amassar as folhas de papel pois prejudicam a reciclagem

    50 - Disponibilizar palestras sobre o tema de sustentabilidade e apresentação de "cases" de outras empresas

    51 - Motivar os funcionários a adotar "1 dia sem carro"

    52 - Utilizar os banners já usados para a confecção de crachás e outros materiais.

    53 - Rever nº de lanches solicitados para as reuniões, evitando desperdício

    54 - Manter motivados os funcionários com a apresentação constante de sugestões que venham de encontro a filosofia do Pacto Global

    55 - Usar sacos plásticos com cores diferenciadas por tipo de lixo (contemplar no PGRS)

    56 - Instituir o "Dia da Doação" para doação de roupas, livros, objetos, etc

    57 - Comprar produtos de qualidade, evitando o não uso e também possíveis descartes

    58 - Trocar toalheiro atual de tecido por toalhas de papel

    59 - Instalação de rampa de acesso para cadeirante no Desus/Call center (estar preparado para receber cadeirante)

    60 - Disponibilizar caixa coletadora de pilhas, baterias, óleo de cozinha...

    61 - Ampliar a disponibilização de serviços on line. caso do visto profissional entre outros

    62 - Estudar a possibilidade de frota com carros elétricos

    63 - Maior aproveitamento da iluminação e da ventilação natural

  • Anúncios

Propostas eleitas na CONSOCIAL do Paraná


O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná – CREA-PR, considerando sua representação na Comissão Organizadora Estadual – COE da 1º Conferência Estadual sobre Transparência e Controle Social, vem destacar a relevância desta ação, que somada em âmbito nacional, promoverá mudanças, adequações e novas formas tanto do exercício do controle social quanto da efetividade da transparência da gestão pública.

Esta iniciativa se consolida com uma importância histórica quando se constitui num momento de apresentação e envolvimento da sociedade com o tema, tendo a sociedade, através da CONSOCIAL, a oportunidade de inteirar-se dos direitos e deveres que envolvem toda a questão da transparência, conscientizando-se da necessidade de ações participativas da sociedade em seu próprio beneficio.

Os eixos trabalhados na CONSOCIAL pontuaram as grandes necessidades que temos de avançar nas questões colocadas, são eles:
– Promoção da transparência pública e acesso à informação e dados públicos;
– Mecanismos de controle social, engajamento e capacitação da sociedade para o controle da gestão pública;
– A atuação dos conselhos de políticas públicas como instâncias de controle;
– Diretrizes para a prevenção e o combate à corrupção.

Por certo, como resultado, ocorreu um avanço nos níveis estadual e nacional, uma vez que o tema requer seu entendimento e internalização pelo maior número possível de cidadãos, que em suas bases promoverão, a partir das diversas ferramentas postas, o efetivo controle social.

Entendemos que este foi o marco inicial de uma grande luta que se inicia no Brasil, que haverá de ser construída em conjunto pelos diferentes atores da sociedade, ensejando a capacitação, a mobilização, a divulgação e a crescente adesão da  prática da transparência e controle social, buscando assim a gestão pública de qualidade e contra a corrupção.

Propostas Eleitas – 1ª Conferência Estadual sobre Transparência e Controle Social

Anúncios

Inspetoria de Ponta Grossa promove palestra de combate ao câncer


A inspetoria do CREA, em Ponta Grossa, promoverá no dia 19 de outubro, para os funcionários e seus familiares, uma palestra informativa ministrada pela Liga Paranaense de Combate ao Câncer. A oportunidade surgiu por meio da participação da inspetoria no CPCE Campos Gerais.

O CREA-PR está engajado no movimento popular internacionalmente conhecido como Outubro Rosa. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades.

Outubro Rosa


O Comitê de Responsabilidade Socioambiental Corporativa – CRSC promove ação de engajamento dos funcionários para apoio à campanha mundial Outubro Rosa. Conheça as ações e participe!

Ações de engajamento:
– Inserção de ícone do “laço rosa” na tela inicial do Sistema Corporativo, no Site do CREA e hot sites e nas midias sociais, demonstrando o apoio do Conselho à campanha;
– Iluminação da Sede e Regionais (orientações no site outubro rosa em “como participar” cada Regional pode providenciar a iluminação / basta colocar sobre o refletor a tela rosa coma “gelatina cenográfica marca Rosso, modelo Ecolor128);
– Uso pelos funcionários e funcionárias do laço rosa na lapela da roupa, demosntrando apoio a campanha da luta contra o câncer de mama (cada regional pode providenciar a compra da fita e distribuição aos funcionários).
Ação individual:
– Ficar atento e não esquece de fazer o auto exame e as consultas regulares.

Saiba mais sobre este movimento: o  movimento popular internacionalmente conhecido como Outubro Rosa é comemorado em todo o mundo. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades. Este movimento começou nos Estados Unidos, onde vários Estados tinham ações isoladas referente ao câncer de mama e ou mamografia no mês de outubro, posteriormente com a aprovação do Congresso Americano o mês de Outubro se tornou o mês nacional (americano) de prevenção do câncer de mama.

A ação de iluminar de rosa monumentos, prédios públicos, pontes, teatros e etc. surgiu posteriormente, e não há uma informação oficial, de como, quando e onde foi efetuada a primeira iluminação. O importante é que foi uma forma prática para que o Outubro Rosa tivesse uma expansão cada vez mais abrangente para a população e que, principalmente, pudesse ser replicada em qualquer lugar, bastando apenas adequar a iluminação já existente.

A popularidade do Outubro Rosa alcançou o mundo de forma bonita, elegante e feminina, motivando e unindo diversos povos  torno de tão nobre causa. Isso faz que a iluminação em rosa assuma importante papel, pois tornou-se uma leitura visual, compreendida em qualquer lugar no mundo.

Objetivo: cada ano vem aumentando a adesão ao movimento mundial “Outubro Rosa”, que visa chamar atenção, diretamente, para a realidade atual do câncer de mama e a importância do diagnóstico precoce. O importante é, na realidade, focar este sério assunto nos 12 meses do ano, já que a doença é implacável e se faz presente não só no mês de outubro. No entanto, este mês é representativo para a causa, tornando-se especial e destacado dos demais.

Acesse o site: http://www.outubrorosa.org.br/

Roteiro para o eleitor


Quando é a eleição? 7 DE OUTUBRO (domingo)
Qual o horário? das 8h às 17h (horário local)
Quais cargos serão definidos? prefeito e vereador
Quanto tempo devo levar para votar? O eleitor precisará de cerca de 40 segundos para votar
O voto é obrigatório? Sim, para os maiores de 18 anos

Ele é optativo para quem? Analfabetos, maiores de 70 anos e os que tenham entre 16 e 18 anos
É obrigatório levar o título de eleitor para votar? Não. O eleitor pode votar com um documento oficial com foto (identidade, carteira de trabalho, carteira de motorista, passaporte ou certificado de reservista)
Quem tem preferência na hora do voto? Juízes, seus auxiliares e servidores da Justiça Eleitoral, promotores eleitorais e policiais militares. A preferência também é dada para os maiores de 60 anos, os portadores de necessidades especiais e as mulheres grávidas ou que estejam amamentando
Como posso confirmar meu local de votação? A consulta pode ser feita no site do TSE (www.tse.jus.br). O eleitor deve informar seu nome completo, o de sua mãe e a data de nascimento
Como posso saber a situação do meu título? Também no site do TSE, no campo “situação eleitoral”. É preciso informar o nome completo e a data de nascimento

Não votei na última eleição. Posso nessa? Sim. Mesmo sem ter justificado a ausência nas eleições de 2010, o eleitor pode votar agora
Posso votar fora da minha cidade ou Estado? Não. Somente para Presidente da República é permitido o voto em trânsito
Moro fora do Brasil. Sou obrigado a votar? Não. Só é obrigatório para presidente

Naturalizados brasileiros são obrigados a votar? Sim. O cidadão naturalizado que não tiver o título um ano após adquirir a nacionalidade pagará uma multa imposta pela Justiça Eleitoral. O valor será cobrado quando
ele for regularizar sua situação
Terei de voltar à minha cidade para votar. Tenho direito à dispensa do trabalho no dia seguinte à eleição? Não. A lei não prevê dispensa para esse caso
Se a urna eletrônica apresentar defeito, o que acontece? O presidente da mesa irá solicitar o reparo do equipamento. Caso isso não ocorra, a votação será feita por meio da cédula de papel
A Lei Seca irá vigorar? A decisão cabe à Secretaria de Segurança
de cada Estado

Não votei, e agora?
O eleitor pode justificar sua ausência em qualquer local de votação, das 8h às 17h
A partir de segunda-feira, o formulário de justificativa
pode ser obtido gratuitamente em qualquer cartório eleitoral ou na página do TRE (Tribunal Regional Eleitoral).
O prazo para justificar a falta é de 60 dias após o dia da eleição.
O eleitor em débito com a Justiça Eleitoral terá de pagar uma multa de R$ 3,50. O não
pagamento impede a participação em concursos públicos e a retirada da carteira
de identidade e de passaporte.

Fonte: Jornal Metro